terça-feira, 29 de maio de 2018

Maninho de Alto Alegre do MA, defendeu urgência na reformulação do Pacto Federativo na XXI Marcha a Brasília.



Acompanhado de sua esposa a Primeira Dama Betânia Mota, e de sua filha Deborah Mota, o prefeito Maninho, de Alto Alegre do Maranhão, participou em Brasília, da XXI Marcha dos prefeitos e prefeitas, na luta municipalista.


O evento iniciou nesta segunda-feira, 21, e encerrou na quinta-feira, 24, no Centro Internacional de Convenção do Brasil, CICB, onde foram debatidos vários problemas que afetam os municípios brasileiros e as gestões públicas.

A vice-prefeita de Alto Alegre do Maranhão, Paula Noleto, PSDB, ao lado do seu esposo, Idan Torres, prefeito de Santa Filomena, também participou do evento, na companhia de maninho de Alto Alegre.

Na condição de Integrante da delegação da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, (FAMEM), Emmanuel da Cunha Santos Aroso Neto, o Maninho de Alto Alegre, participou ativamente do maior evento municipalista do Brasil, e ainda trocou experiências com diversos prefeitos de diferentes partes do Brasil, na constante luta, inclusive defendendo as principais bandeiras do movimento, destacando a da reformulação do pacto federativo.

Para o prefeito de Alto Alegre do Maranhão, a reformulação do Pacto Federativo, é urgente e precisa está no centro das discursões com seriedade e relevância.

   “Não tem como mudar essa dura realidade sem a reforma do Pacto Federativo. Os municípios são a parte mais sensível na relação com estados e a União. Na atual distribuição fiscal, ficam com aproximadamente 17% da arrecadação, enquanto sobram 25% para estados e 58% para a União. E o que é pior: são os municípios que têm o dever constitucional de gerir saúde, educação, serviços de infraestrutura e zeladoria urbana. Por outro lado, a União segue delegando novas responsabilidades, sem que haja recursos complementares para financiá-las. Com isso, falta dinheiro para serviços essenciais”, pontuou o prefeito de Alto Alegre do Maranhão.

 Maninho de Alto Alegre foi um dos prefeitos pedetistas convidados pelo deputado federal Weverton Rocha, pré-candidato a senador, a participar de um jantar na sede do PDT, Nacional, nesta terça-feira, 22, com a presença de várias autoridades do partido em nível Nacional, inclusive com o presidenciável Ciro Gomes. No evento o prefeito altalegrense se fez acompanhar de sua esposa Betânia Mota, de sua filha Deborah Mota, e da vice-prefeita, Paula Noleto, que por sua vez também estava acompanhada de seu esposo, Idan Torres, prefeito de Santa Filomena do Maranhão.

O prefeito de Alto Alegre esteve participando também dos eventos organizados pela Famem, a exemplo das duas reuniões de bancada na Câmara Federal.

Assíduo nas plenárias Maninho também reservou tempo para visitar os estandes das empresas parceiras do evento e dos ministérios e autarquias do governo, que orientavam os gestores na administração pública.

Em conversas com o Blog do Ezequias Martins, em Brasília, Maninho de Alto Alegre, classificou o evento como positivo e ainda reafirmou seu compromisso com as bandeiras de luta, que aos poucos vão se transformando em conquistas.
Sobre a Macha
A Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios é uma mobilização democrática, realizada anualmente desde 1998, e tornou-se o maior evento político do Brasil, contanto com a presença de mais de 5 mil participantes: prefeitos, secretários municipais, vereadores, senadores, governadores, parlamentares estaduais e federais, ministros e presidentes da República.

Durante o evento são discutidas questões que influenciam o dia-a-dia dos Municípios e são apresentadas as reivindicações do movimento municipalista. A maioria das conquistas deve-se ao grande poder de mobilização e articulação dos gestores públicos municipais durante a Marcha.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny